Suplementação, quando utilizar?

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Suplementação, quando utilizar?

Mensagem por Sulplemento em Qui 14 Jul - 23:24

A necessidade de reposição protéica para atletas visando a melhora do desempenho vem de longa data. A lenda sobre Milo de Crotona, um grande lutador grego que viveu em meados de 500 a.c., confirma a preocupação com a dieta rica em proteínas já na antiguidade. Segundo a mitologia, tal lutador tinha sua força atribuída ao consumo elevado de carne - 8,5 kg em um único dia (UCHIDA et al, 2008).

Hoje em dia, a idéia de que atletas precisam de uma dieta rica em proteína para construir e reparar os músculos é muito bem aceita, e também há evidências de que as necessidades protéicas sejam aumentadas entre praticantes de atividade física (SBME, 2009, ADA, 2009). Os músculos são constituídos basicamente de proteínas e seu envolvimento é fundamental para o desempenho em todos os esportes. Constatou-se também o fato de que o exercício regular acarreta numerosos efeitos específicos no metabolismo protéico do organismo (ADA, 2009).

A recomendação da ingestão de proteína da Sociedade Brasileira de Medicina do Esporte, para indivíduos atletas que visam o aumento de massa muscular é de 1,6 a 1,7 g/kg de peso por dia. Já para os esportes em que o predomínio é a resistência, o indicado seria 1,2 a 1,6g/kg de peso por dia.

No entanto, alguns fatores são importantes para otimizar o crescimento muscular, dentre eles: assegurar que a ingestão energética na dieta seja suficiente, que, pelo menos, uma quantidade pequena de proteínas e/ou de carboidratos seja consumida imediatamente após cada sessão de treinamento e que o indivíduo descanse bastante entre as sessões de treinamento (HAWLEY; TIPTON; MILLARD-STAFFORD, 2006).

Uma série de estudos indica que a ingestão de proteína com carboidrato durante o período imediato pós-exercício pode beneficiar o atleta por ajudar na síntese de proteínas musculares e na reposição do glicogênio muscular (LEVENHAGEN, 2002; BURKE, 2004; RENNIE, 2004).

Estudos recentes vêm demonstrando efeitos benéficos da suplementação protéica durante o exercício. Recentemente dois estudos sugeriram que o acréscimo de uma pequena quantia de proteína (~2% de proteína de soro de leite) a uma bebida com eletrólitos melhorava a capacidade de endurance comparado à ingestão isolada de uma bebida esportiva (SAUNDERS; KANE; TODD, 2004; IVY et al, 2003).

Sendo assim, alguns estudos sugerem que o consumo de proteínas com carboidrato durante o exercício melhora o desempenho no endurance. Mais estudos devem ser realizados para definir essa discussão, mas deve-se lembrar que não há nenhum mecanismo definido que mostre que a ingestão protéica durante o exercício melhora o desempenho.
O consumo de pequenas quantidades (10-20 g) de proteína de alta qualidade após o exercício promove a síntese de proteína muscular comparada aos carboidratos isoladamente e pode intensificar a resposta do organismo ao treinamento de longa duração (LEVENHAGEN, 2002; BURKE, 2004; RENNIE, 2004).

Fonte: http://www.rgnutri.com.br/sp/suplementos/spa.php
avatar
Sulplemento

Mensagens : 10
Data de inscrição : 09/07/2011
Idade : 37
Localização : Tubarão

http://www.sulplemento.com

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum